sexta-feira, 2 de agosto de 2013

Notas para pensar a onda dos filmes espíritas no Brasil

Neste começo da segunda década do século XXI, o Brasil, país tido como a maior nação espírita do planeta, tem testemunhado uma onda de longas-metragens com temática espírita que movimenta grandes orçamentos e bilheterias, provocando interesse e debates entre os fiéis, os críticos de cinema e os observadores culturais. No entanto, na maior parte das discussões nos meios de comunicação, parece haver certa pressa em diagnosticar o fenômeno como novidade, sem levar em conta a trajetória e mesmo uma possível tradição de filmes espíritas brasileiros — a partir da qual, parece-nos, o ciclo atual pode ser examinado. Nesse sentido, o presente artigo tem a intenção de discutir a possibilidade de falar-se de uma tradição de filmes espíritas brasileiros e, a partir dela, propõe alguns pressupostos de análise para os novos filmes que têm surgido a cada ano.

Link para o artigo completo publicado na Revista Rumores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário